Amor no Terminal Urbano de Maringá

Diz pra mim qual é o rosto de Deus, talvez seja o seu, talvez seja o meu – Braza

 

Imagina que louco espalhar Amor no Terminal Urbano de Maringá? A gente conta agora um pouquinho do que foi a ideia de passar uma tarde de sábado no Terminal Urbano de Maringá/PR, com um único propósito: tentar melhorar um pouquinho a rotina de quem passava por lá antes de chegar aos seus destinos.

As nossas armas para enfrentar esse desafio eram simples: músicas, cartazes e muita luz e amor pra acolher quem quisesse trocar uma ideia. A ideia, que partiu inicialmente da Jéssica Euflausino, tomou forma com a motivação e comprometimento do pessoal do Grupo de Jovens Filhos da Luz, da Paróquia Santa Maria Goretti.

“A receita do sucesso foi juntar pessoas que queriam espalhar o amor acima de tudo, muita motivação e comprometimento de cada um, sentar e conversar o que poderíamos fazer para que as pessoas que íamos encontrar, pudessem sentir o que estávamos sentindo fazendo aquilo, e muito mais, para que as pessoas pudessem se sentir tocadas e, talvez, até transformadas”, disse Jéssica Euflasino.

“Foi inexplicável a sensação real de ter feito essa ação, de poder ter distribuído abraços, conversado e ouvido a história de algumas pessoas e de colecionar os sorrisos que elas usavam para nos agradecer por estarmos ali, sem contar na surpresa que foi vermos que várias pessoas acabaram se juntando a nós para rezar o terço no final da ação, lá mesmo no terminal, mesmo que às vezes nem sabiam como rezá-lo”, complementa.

No final da ação fizemos um bate papo entre todos os que participaram e pudemos ver que, mais do que levar coisas para outras pessoas, nós que aprendemos com as diferente histórias que pudemos partilhar.

Vou parar de falar e deixar você ver e tentar sentir um pouquinho do que foi essa ação pra nós nas fotos abaixo. Vamos juntos na próxima?

 

20

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. AHH meu Deus, como chorei e agradeci por esse dia, por aquelas pessoas, por todos os Filhos da Luz que abraçaram a causa e pela a sua existência <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *